Páginas

Esta foi a maneira que encontrei de dividir com vocês minhas alegrias, emoções, meus anseios, dúvidas, questionamentos,.. enfim, dividir um pouco de mim, afinal, ser mulher, mãe e esposa, não é fácil e eu não vim com manual de instruções!

terça-feira, 10 de julho de 2018

Férias longe de casa!

Ontem minha sogra veio buscar as meninas para passar um dia na casa dela.
Elas estavam super animadas esperando a vovó chegar e a Manu nem queria sair para almoçar com medo de quando a vovó chegasse, não tivesse ninguém em casa rs

Quando a vovó chegou foi uma festa! Arrumamos tudo no carro, fiz aquele sermãozinho básico pra elas (sou mãe né gente? Tem que rolar um sermãozinho básico que as crianças conhecem de cor e até falam junto comigo hahahaha) e elas foram...

Fiquei olhando o carro dobrar a esquina e escutando aquela gritaria que elas estavam fazendo e parecia uma boba, sorrindo sozinha na calçada rs

Entrei tão aliviada sabe? Agradecendo a Deus pelas filhas incríveis que tenho e por elas serem tão amadas e queridas! A agenda delas para as férias esta lotada e tem gente triste comigo por "não ter vaga" pra eles rs

Pensei muito em como ser mãe da Olívia mudou a minha forma de maternar.
Talvez, se nada tivesse acontecido com ela, minhas filhas não teriam passado uma noite sequer longe de mim. Talvez eu seria ainda mais super protetora do que sou (pausa pra você ficar boquiaberto com essa notícia rsrs). Todos os dias, travo uma luta com as muitas mães que moram em mim e vencer a mãe super protetora é muito difícil. Luto diariamente com o medo de perder outro filho e as vezes me apego a coisas mínimas, mas sou humana e erro constantemente.

Ter a consciência de que nem tudo esta sob meu controle é uma coisa, colocar em prática é outra completamente diferente! É trabalhoso, dói, traz vários sentimentos conflitantes, mas tudo vale a pena quando vejo cenas como a de ontem. Saber que estão felizes me traz paz e um coração de mãe em paz, significa que fizemos o nosso melhor.

Aproveitem suas férias minhas meninas! Sejam felizes! Divirtam-se! A mamãe estará esperando vocês quando voltarem!


Roberta
"nosso amor é como o vento: não posso ver, não posso tocar, mas posso sentir"


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bem vindo! Deixe um recadinho. Adoro quando você comenta! =)